Como assim?

Leitor me envia recorte do Diário do Pará de hoje, sobre a possibilidade de Belém ser incluída no roteiro turístico de cidades históricas. Diz ele:

“Vera,

Veja a notícia que saiu hoje, no Diário do Pará.
Só pode ser brincadeira. Na última semana houve um desabamento e um incêndio no nosso “centro histórico” (só se for historicamente abandonado!) e uma reportagem na RBA disse que 90% (não sei de onde tiraram esse número) dos imóveis históricos do comércio correm riscos de desabamento ou incêndio. Essa notícia só pode ser brincadeira (acho que era pra ter saído no dia 01 de abril).
Essa terra ainda tem jeito?  “

É meu caro, nem sei de depende de quem a gente escolher …Está cada vez mais difícil.

Seria tão bom se a perspectiva virasse verdade, que não só o poder público “cuidasse” da nossa história, mas a gente soubesse “se comportar” como quem quer receber turistas, sem jogar lixo nas ruas, sem pendurar roupas nas janelas, sem depedrar o patrimônio público…

Já imaginou ,viver numa cidade onde os telefones públicos estivessem limpinhos e funcionando (inteiros), onde as esquinas não tivessem montes  de lixo, sem camelô em cima de calçada, sem essa falta de respeito pelo cidadão? Nem lembro como é.

Vamos torcer. E orar…(Eu? Reclamo, mesmo!)

(De O Diário do Pará, de hoje.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: