Millor e os militares: Lorotas na net.

O texto abaixo circula na net como sendo do Millor Fernandes, um esquerdista que jamais assinaria algo assim.

Quem não conhece pode ler:

 

Militar é incompetente demais!!!

Militares, nunca mais!

Millôr Fernandes

Ainda bem que hoje tudo é diferente, temos um PT sério,
honesto e progressista.
Cresce o grupo que não quer mais ver militares no poder,
pelas razões abaixo.

Militar no poder, nunca mais.
Só fizeram lambanças.
Tiraram o cenário bucólico que havia na Via Dutra de uma só pista,
que foi duplicada e recebeu melhorias;
acabaram aí com as emoções das curvas mal construídas e os solavancos estimulantes provocados pelos buracos na pista.

Não satisfeitos, fizeram o mesmo com a rodovia Rio-Juiz de Fora.

Com a construção da ponte Rio-Niterói, acabaram com o sonho de crescimento da pequena Magé, cidade nos fundos da Baía de Guanabara, que era caminho obrigatório dos que iam de um lado ao outro e não queriam sofrer na espera da barcaça que levava meia dúzia de carros.

Criaram esse maldito do Proálcool, com o medo infundado de que o petróleo vai acabar um dia.

Para apressar logo o fim do chamado “ouro negro”,
deram um impulso gigantesco à Petrobras,
que passou a extrair petróleo 10 vezes mais
(de 75 mil barris diários, passou a produzir 750 mil);
sem contar o fedor de bêbado que os carros passaram a ter com o uso do álcool.

Enfiaram o Brasil numa disputa estressante,
levando-o da posição de 45ª economia do mundo para a posição de 8ª, trazendo com isso uma nociva onda de inveja mundial.

Tiraram o sossego da vida ociosa de 13 milhões de brasileiros,
que, com a gigantesca oferta de emprego,
ficaram sem a desculpa do “estou desempregado”.

Em 1971, no governo militar, o Brasil alcançou a posição de segundo maior construtor de navios no mundo.
Uma desgraça completa.

Com gigantesca oferta de empregos, baixaram consideravelmente os índices de roubos e assaltos.
Sem aquela emoção de estar na iminência de sofrer um assalto, os nossos passeios perderem completamente a graça.

Alteraram profundamente a topografia do território brasileiro com a construção de hidrelétricas gigantescas
(Tucuruí, Ilha Solteira, Jupiá e Itaipu),
o que obrigou as nossas crianças a aprenderem sobre essas bobagens de nomes esquisitos.

O Brasil, que antes vivia o romantismo do jantar à luz de velas ou de lamparinas, teve que tolerar a instalação de milhares de torres de alta tensão espalhadas pelo seu território, para levar energia elétrica a quem nunca precisou disso.

Implementaram os metrôs de São Paulo, Rio, Belo Horizonte, Recife e Fortaleza, deixando tudo pronto para atazanar a vida dos cidadãos e o trânsito nestas cidades.

Esses militares baniram do Brasil pessoas bem intencionadas,
que queriam implantar aqui um regime político que fazia a felicidade dos russos, cubanos e chineses,
em cujos países as pessoas se reuniam em fila
nas ruas apenas para bater-papo, e ninguém pensava em sair a passeio para nenhum outro país.

Foram demasiadamente rigorosos com os simpatizantes daqueles regimes,
só porque soltaram uma

Mais interessante ainda por Millor Fernandes ser uma pessoa que sempre soube de “esquerda”. Nunca foi simpatizante dos militares na época que estavam no poder. Mas o que é certo é certo, e ele como intelectual que é, não é cego, nem surdo.

***    Militar é incompetente demais   ***

 Millôr Fernandes

 

 

 

 

 

É mais um dos casos em que se usa a credibilidade de um formador de opinião para vender uma idéia.

Vejam a resposta dele, no próprio blog, cuja autenticidade é inquestionável.

 

——————————————–http://www2.uol.com.br/millor/aberto/email/061.htm————————————————————————————- 

 

Bom dia Millôr. Recebi um texto intitulado “Militares nunca mais” que fala sobre as atividades desenvolvidas por militares durante o regime militar. O que eu gostaria de saber é se o texto foi realmente assinado pelo Senhor e em qual meio foi publicado originalmente. Sou um leitor assíduo de seus textos e admirador de suas charges e até então não havia visto esse tal texto. Fico grato se puder me responder. Atenciosamente,
Cristiano, Curitiba-PR

Caro Cristiano – acho o texto primário. Que posso fazer? É o lado escroto da Internet. Abrassão. O Millôr.

Parabéns, continue sempre através do teu humor denunciando os descalabros dos políticos brasileiros. Vamos convocar a população e acabar de vez com este congresso! Vamos anarquisar de uma vez!
Lane, Eunápolis-BA

Não, não! Se acabarmos com este Congresso, vem outro pior. Vade Retro! O Millôr.

 

 

 

 Como vimos, mais uma lorota na net!

 

Anúncios

7 Comentários (+adicionar seu?)

  1. guaraci rodrigues pontes
    mar 21, 2015 @ 00:54:44

    perdoem minha tardia observação, mas, atestar que não foi o MILLÔR que escreveu o texto, por “ser um esquerdista”, me leva a acreditar, também, que não foi ele quem respondeu ao “caro Cristiano” (acima), pois, se despede com a palavra “ABRASSÃO” O Millôr. NÃO PODE TER SIDO ELE, UM ESQUERDISTA e LETRADO. ABRAÇO É COM – Ç –

    Responder

  2. ANTONIO RIBEIRO
    abr 04, 2014 @ 09:47:45

    TUDO MENTIRA….AGORA TEMOS A LIBERDADE DE FAZER O PIOR…KKKKKKKKK E VIVA O PT..COM BOLSA FAMILIA..BOLSA GÁZ..BOLSA MOTEL, E BOLSA BORDEL…O BRASIL É, GRAÇAS AO PT..UM IMENSO BORDEL…….. KKKKKKKKKKKKKKKK BOA..ADOREI SEU TEXTO..E BOAS LEMBRANÇAS DO QUE OS MILITARES FIZERAM…..RIBEIRO-DF

    Responder

  3. Miranda
    abr 01, 2012 @ 10:24:10

    Muito bem Moura gostei do seu ponto de vista e bom senso!

    Responder

  4. Moura
    mar 22, 2012 @ 12:07:45

    O texto até pode não ser de autoria do Millôr.
    Mas, por acaso, ele está errado?
    Sem mais.

    Responder

  5. LUIZVALDI
    nov 23, 2011 @ 21:50:19

    Gente, o mesmo aconteceu com LULA… UM E-MAIL CONTENDO SUPOSTAS DECLARAÇÕES DO EX-PRESIDENTE LULA…EM PLENA DITADURA (DA QUAL ELE FOI VÍTIMA), ENALTECENDO O ´RESIDENTE-DITADOR DA ÉPOCA – , LOGO QUEM: EMILIO GARRASTAZU MÉDICI…O PIOR DOS DITADORES (PARA ALGUNS). E TEVE GENTE QUE REPASSOU PARA MILHARES DE PESSOAS, ATRAVÉS DE E-MAIL… ISSO É TERRÍVEL, POIS TODOS SABEMOS DOS MALEFÍCIOS QUE ESSA DITADURA TROUXE PARA O BRASIL…AI DE QUEM ESCREVESSE OU DECLARASSE QUALQUER COISA CONTRA OS MILITARES…MUITO MENOS DIZER QUE A PONTE RIO-NITEROI FOI SUPERFATURADA – O VALOR DARIA PARA CONSTRUIR 45 KMS. DE PONTE E NÃO OS 14 QUE O FORAM…A TRANSAMAZÔNICA CUSTOU MILHÕES DE DÓLARES E AINDA POR CIMA ABRIU CAMINHO DENTRO DA MATA VIRGEM PARA INVADIREM A FLORESTA E A SAQUEAREM E A QUEIMAREM.

    Responder

    • Anônimo
      mar 18, 2015 @ 23:01:49

      Gostaria de entender se se refere a este email, como se o mesmo houvesse sido digitado, enviado e repassado na época do Presidente Médici? kkkkkkkkk

      Responder

  6. Sodré
    jun 13, 2011 @ 21:43:15

    Psssssssssssssssss!
    que ninguém nos ouça. Mas recebi de uns amigos meus militares este texto, com aquele sinalzinho de fumaça, como que querendo limpar a barra. É a net. Um roteiro juntando aquela história do ‘saco de dinheiro’, o planeta Marte do tamanho da Lua e este um dos militares é digno de “Amor e Revolução”, minha novela preferida, aliás. Taí, vou ligar pro Sílvio, pra ele por estes tópicos ufanistas nos depoimentos que encerram os capítulos.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: