Carta de uma médica da Santa Casa (passe adiante!)

Recebi e publico esse depoimento, que serve como alarme para quem acha que a saúde pode ser administrada por
quem só conhece politicagem!

REVOLTA! CHEGA DE INJUSTIÇA!
Estou revoltada! Só quem trabalha ou trabalhou na Santa Casa tem idéia do que realmente se passou lá nesse terrível episódio dos gêmeos.
Não dá é pra ouvir falarem por aí em “assassinato de bebês” e ficar quieto! Até porque, conforme laudo emitido pelo IML, os bebês haviam morrido há umas 48h…
Coitada da Cínthia (obstetra de plantão na triagem naquele dia) que está pagando o pato sozinha, sendo mal falada pelos quatro cantos do país! Até a Presidente da Santa Casa, Maria do Carmo, que até hoje foi a única, dentre todos os presidentes que a Santa Casa já teve, que deu a cara a tapa e falou a verdade… Resultado, botaram ela pra correr! Afinal, a culpa tem que ser de alguém!
– Só quem já teve a infeliz oportunidade de implorar por um respirador emprestado…
– Só quem já teve chance de fazer papel do respirador, e ficou ambuzando (horas!) bebê na Sala de parto, enquanto outros tantos nasciam…
– Só quem já viu a sala de parto virar uma UTI Neonatal…
– Só quem já viu internarem o 21º bebê em uma UTI de 20 leitos…
– Só quem já viu bebê entubado no berçário, sem os devidos cuidados, e sem perspectiva de vaga em nenhuma UTI Neonatal do Estado…
-Só quem, numa atitude desesperada, ligou para o Secretário de Saúde do Estado e acionou o Ministério Público por falta de leito…
– Só quem já chorou, por não saber mais o que fazer, nem teve mais para quem recorrer;
– Só pra quem já viu paciente morrer por falta de leito, sabe o que significam as palavras:
“PELO AMOR DE DEUS, FECHEM A TRIAGEM!” , ou,
“A SANTA CASA ESTÁ LOTADA! NÃO TEMOS LEITO!”
(UFA!!! Finalmente alguém teve coragem de falar!)
Para a sociedade, e até para o Governo, a Santa Casa sempre foi igual coração de mãe! Sempre cabe mais um!Mas as coisas não são bem assim! Não adianta ficar quebrando galho, colocando bebê no espacinho que der…
Medicina Intensiva precisa de planejamento! A equipe tem seu número certo de médicos, enfermeiros, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, técnicos de enfermagem… Quebrar galho significa, sobrecarregar essa equipe, e assim, perde-se a qualidade do serviço e, entre outras coisas, aumenta-se absurdamente o índice de infecção hospitalar! Depois as manchetes são (COMO JÁ FORAM):
” MAIS BEBÊS MORREM NA SANTA CASA!”
A Santa Casa possui hoje 40 leitos só de UTI neonatal e mais uns 60 de berçário. Muito???
Pois lá trabalha-se sempre no limite! Quem entende um pouco de administração hospitalar e infectologia, sabe que as coisas não deveriam ser assim…
E dizer que o bebê vai receber os primeiros cuidados e que depois será transferido para outro local… PAPO FURADO! Eu mesma já vi esse “depois” virar meses ou até “nunca”!
Trata-se de uma situação muito delicada.
Não estou querendo livrar ninguém de sua parcela de culpa.
Só não dá pra ser pontual, precisamos analisar todo o contexto.
Chega de injustiça! Chega de politicagem!
Já estive do outro lado da moeda, vi minha filha precisar de uma UTI neonatal, mas graças a DEUS, ela teve todos os cuidados necessários para sair bem e com saúde! Imaginar o desespero de milhares de pessoas que não têm a mesma sorte é desconcertante!
Pais não deveriam perder seus filhos…
Mas chega de falarem mal da Santa Casa!!!
Estou cansada de ver esses jornalistas de porta de pronto-socorro falarem o que querem e bem entendem, ao invés de esclarecer a sociedade! Deveria ser obrigação deles ir mais a fundo de algo tão importante. Explicar, por exemplo, como funciona uma central de leito, e o porquê dela existir. Mas não! Vender jornal é mais interessante!
A verdade é que situações infelizes como essa dos gêmeos, acontecem praticamente todos os dias! O que não se tem é essa mídia toda. As vezes, bem que dá vontade de armar um barraco, como forma de pedir: “SOCORRO!”
Falltam leitos de UTINeo, de UTIPed, de Cirurgia Pediátrica, de Pediatria, de todas as clínicas!!! Tem gente morrendo por falta de diálise, por falta de transplantes… Nosso povo não tem atendimento digno!
A Saúde está padecendo, e não é de hoje!
Senhor Secretário de Saúde, foi bonito o senhor declarar em Público a culpa do Estado. Mas errou só no seguinte: a culpa não é do Estado porque ainda não conseguiu conscientizar seus médicos de que Maternidade é Urgência. Assim jogou a culpa para a pobre colega de plantão, e fez rolar a cabeça da presidente do hospital… (fácil, né?!)
Tampouco acho que a culpa seja unicamente do vosso mandato… Pois tenho consciência de que não se muda o caos em 8 meses.
Também não quero ver mais UCI’s neonatais pipocando por aí, como ato heróico! Sem profissionais preparados, nem a mínima estrutura! Nos faltam desde hemogramas! Gasometria então… hum!
CHEGA!!! CHEGA DE QUERER TAPAR O SOL COM A PENEIRA!!!
A gente não faz mágica, nem milagre! Fazemos medicina!
Tem muita gente competente por aí, tentando fazer as coisas melhorarem…
Saída, nós cremos que exista! Por isso ainda não desistimos de fazer as coisas andarem nos trilhos…
Fica aqui meu apoio à Cínthia, à Maria do Carmo e à nossa Santa Casa!
Espero que essas vidas e essa confusão toda, ao menos sirvam para nos trazer bons frutos…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: