O Horário Eleitoral : festa democrática?

Palhaçada nas eleições: por quê não se cobra decoro ?

Desses candidatos que me envergonham

Logo que começou o horário de propaganda eleitoral, meus hormônios – os que sobraram – não conseguiram segurar ‘a onda’; fiquei depressiva, preocupada com o que será de nós (dos nossos netos) enquanto perdurar esse sistema eleitoral que não nos favorece.

Um amigo me passou um pito, lembrando da tal “festa da democracia” que, a meu ver, não define a eleição. Farra é mais apropriado. Pândega, então, serve como uma luva. Já a democracia… Será que é isso, mesmo?

Fiquei meio ressabiada pelo puxão de orelhas; tudo bem que brasileiro tem mania de falar mal de si mesmo… Mas estamos realmente participando de um processo legitimamente democrático? Hummm… Lá vem ele, com gregos e a Atenas clássica; com a mudança do adágio que “Todo poder emana do rei…” para “Todo poder emana do povo e em seu nome…”. (Pelo menos o “1822” ele andou lendo…) Francamente, se o povo fiscalizasse o poder, teríamos um número reduzidíssimo de vereadores, deputados etc., a festa seria, digamos, “en petit comité” e, quem sabe, a roubalheira fosse menor e as coisas levadas mais a sério? Particularmente, sonho com isso. Não seria ótimo que coubessem numa Kombi? Vá lá, um micro ônibus, ô raça!

“Já viu quantos candidatos jovens?”, ele insiste, garantindo que é sinal de renovação, a tal mudança para melhor… Será? Assisti um deles prometendo carga menor de impostos, moradia e mais empregos. Como vai fazer isso, carinha pálida?

O pior é que a ignorância não é exclusividade dos jovens; a maioria (mas pense numa maioria enooorme!) não tem a menor ideia do que faz um vereador, suas limitações práticas ou qual a função da “egrégia casa”. Eleitos, alguns vão sapecar “nobre colega” pra cá, “nobre colega” pra lá e rapidinho estarão votando em bloco, fazendo valer a força da legenda – o que, eventualmente, pode ser pura chantagem. E propondo Sessões Especiais, uma aberração que, na prática, é mero faz de conta.

Falando honestamente, também não dá para bancar os “politicamente corretos” (no muro, eternamente) e fingir que não notamos aqueles candidatos que causam quase dó, tamanha ingenuidade e ignorância no sentido mais literal: pessoas simples e bem intencionadas, sem instrução, tentando eternamente uma vaga na Câmara, sem perceber que são usadas, apenas isso. Sem chances, não recebem nada para a campanha e gastam o pouco que têm para conseguir escassos votos que, somados aos de outros colegas sonhadores, acabam “empurrando” as legendas. Na festa da democracia, os camarotes são Vips, pode crer.

Como posso explicar para uma criança, que seus “representantes” são esses que prometem coisas estapafúrdias, alguns evidentemente malucos, outros despreparados e muitos comprometidos até a alma?

“Votar é separar o joio do trigo”. Pois é, se a gente – povo – respeitasse o voto, seria ótimo! Na pândega, elegeram o Tiririca, meu amigo. Ele o representa?

Francamente, acho que deviam cassar a candidatura não só de analfabetos, mas de quem faz da campanha uma verdadeira esculhambação – me perdoe o termo.  Quem vai para TV fazer palhaçada (como o Tiririca, para citar só o mais conhecido) não deveria ter direito à disputa, por falta de decoro e desrespeito à democracia, no mínimo!

Rir das palhaçadas (lembra do Abdon?) apenas nos transformou em platéia do circo de horrores que ofende a democracia, nada mais. Mesmo circo onde falecem as esperanças de mais educação e saúde para o povo – que, desrespeitado, continuará sem levar nada a sério, principalmente políticos!

Lamento, meu caro. Não divido essa euforia com a sua festa. E deixe-me lembrá-lo que, do ponto de vista do eleitor, trata-se de fato, de uma esbórnia, se é que me entende.

 

 

 

 

 

Anúncios

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. Beth Ribeiro
    set 09, 2012 @ 22:14:21

    É isso mesmo Vevera, Faço minhas as tuas palavras. Estou contigo em tudo, principalmente pela redução do número de políticos. Acho muito bom que eles todos caibam mesmo em um micro-ônibus e só.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: