Supimpa: O Melhor Bolo de Cenoura com Calda de Chocolate

O Melhor Bolo de Cenoura com Calda de Chocolate?  O da minha casa, claro!

Bolo de Cenoura com Calda de Chocolate: imbatível!

(Atendendo a pedidos…) eheh… (Mas é delicioso, mesmo!)

Atenção: esse bolo tem manhas.  Se diz que é para peneirar, deixe de preguiça e peneire!

Aqueça o forno quando começar a fazer, é importante já estar na temperatura certa!

Não abra o forno antes de 25 minutos, depois que colocar. Conhece bolo “sentado”? Pois é.

Misture o fermento à farinha seca e jamais jogue sobre a massa que está sendo batida! (De bolo nenhum, isso o faz ficar irregular!)

Não exagere no fermento, já fiz um que ficou “incomível”.

Sal: todo doce deve levar uma pitadinha (“dinha”, viu?) de sal, até o mingau. Isso realça o paladar estimulando as papilas gustativas.

Coloque o sal e o limão nas claras e bata em neve, ela vai ficar mais durinha. Se gostar, acrescente uma pitadinha da casca, raladinha… Fica ótimo.

Comece separando os ingredientes, só depois de conferir tudo é que você deve colocar mãos à massa!

Vamos lá:

Primeiro: unte a forma e polvilhe farinha de trigo. A massa pronta, de qualquer bolo, não deve esperar que você faça isso!

4 ovos (separe claras das gemas, tire a pele das gemas)

2 xícaras de cenoura picadinha, crua (tem que ser miudinho ou não vai sumir, depois)

1 pitada de sal e 5 gotinhas de limão (vão nas claras)

1 xícara (rasa) de óleo de qualidade.

1 colher de sobremesa, rasinha, de manteiga.É só um toque de maciez, nada de exagerar ou vai ficar melado.

2 xícaras (rasas) de açúcar, peneiradas (atenção: não peneire junto, é separado!)

2 xícaras de farinha de trigo, peneiradas

Fermento (caso a farinha não tenha): 1 colher das de sobremesa, cheia. (Daí você mistura bem na farinha seca, ANTES de juntar à mistura.)

Modo de fazer: (faça nessa sequencia)

Bata no liquidificador:

O óleo (1 xícara), a manteiga (1 colher de sobremesa, rasa), as gemas (4) e a cenoura picadinha, até ficar bem liso. (Bata com capricho). Passe para a tigela da batedeira.

Pausa: nesse momento, em outra tigela, bata as claras em neve (os batedores não precisarão ser lavados!) com 5 gotas de limão e uma pitadinha de sal. Bata até ficar durinha. Reserve, longe do calor e do ventilador.

Volte à primeira tigela e vá batendo, acrescentando aos poucos, o açúcar. Bata bem, para incorporar ou vai ficar pesado (“sentado”)

Acrescente o trigo aos poucos, batendo.

Desligue a batedeira e acrescente as claras em neve (com gotas de limão e a pitada de sal)  à mão, incorporando.

Coloque em forma de furo, untada e polvilhada com farinha de trigo.

Leve ao forno médio (180 graus), pré-aquecido,  e nada de abrir antes de 25 minutos.

Quando estiver assado, alto e ligeiramente amorenado, faça o teste do palito.

OK.  Desligue o forno e espere uns 5 minutos para retirar e deixar sobre o fogão, para esfriar longe de ventilador… Ou vai murchar.

Quando estiver frio, desenforme e faça a calda, pois lembre que vai calda quente no bolo frio.

Cobertura: Primeiro, a receita com Leite Condensado, que é tipo brigadeiro. Depois dou a da Calda Tradicional , que fica vidrada, brilhante. Você escolhe!

Tipo Brigadeiro:

1 lata de leite condensado, 2 colheres (das de sopa)de Nescau, 2 colheres (das de sopa)de Chocolate do Frade, 1 lata de creme de leite. Misture bem fora do fogo, desfazendo os chocolates. Leve ao fogo em banho Maria, até engrossar como um brigadeiro mole. Cubra o bolo, coloque o excesso no meio.

Salpique granulado de qualidade.

Atenção: a calda vai quente sobre o bolo frio!

Aguarde a felicidade de fazer alguém feliz!

Calda Vidrada:

Coloque em uma panela pequena, para cozinhar em Banho Maria:

6 colheres (das de sopa) de Nescau (pode ser meio a meio com Chocolate do Frade)

6 colheres (das de sopa) de açucar

3 colheres (das de sopa) cheias, de manteiga

3 colheres (das de sopa) de leite líquido.

Misture tudo e leve em banho-maria, ao fogo, por uns 15 minutos, mexendo sempre, até engorssar.

Vai quente, no bolo frio.

Fica deliciosa e há quem goste muito mais que a de leite condensado!

 

(Minha gratidão à Kátia que faz essa receita há 18 anos, para deleite da família toda, incluindo Verena, as primas Dani e Luciana, mais recentemente o primo Octavio e todas as amigas de escola e faculdade que passaram lá por casa… Japinha querida, prometo fazer um só para você!)

Anúncios

Encontro de Primas

Eis a mesa do nosso encontro.

Empadão de Frango com Requeijão

Salpicão de Frango Defumado

Bolo de Cenoura e Musse de Bis.

Amanhã publico as receitas, pois estou com sono…

Boa noite!

Tem coisa melhor que a família em volta de gostosuras, feitas com carinho?